Em nossa escola, somos comprometidos com a formação integral dos nossos estudantes e com a construção do seu Projeto de Vida. E esses não são desafios simples. 

Por essa razão, mesmo em um período de incertezas, estivemos atentos e nos adaptamos de forma rápida, desenvolvendo um Ensino Não Presencial conectado às novas necessidades dos estudantes. 

Diante dos desafios de 2021, nossa escola conta com um Ensino Híbrido pensado em cada detalhe para continuar garantindo um ensino de excelência, com foco no acolhimento e no  bem-estar físico e emocional dos estudantes.

Para seguirmos contribuindo para o desenvolvimento dos estudantes com segurança neste ano, construímos um Protocolo de Retorno com mudanças operacionais, capacitação das equipes, adaptações em nossos espaços físicos e muitas outra medidas. 

Saia de casa bem preparado!

Máscaras individuais

São 3 trocas por dia (máscaras de tecido) e a cada 4h (máscaras cirúrgicas).

Identificação na máscara 

Identificar as máscaras com o nome do estudante ajuda na segurança.

Atenção aos sintomas

Caso o estudante tenha febre (acima de 37,5°C), dor de garganta, dor de cabeça, tosse ou falta de ar, ele permanecerá em casa e a família deverá comunicar a escola.

Uma boa conversa

Em casa, uma conversa tranquila com a família auxilia o estudante a passar por essa transição, transmitindo segurança e a importância de todos os cuidados.

Cuidados de Entrada e Saída

A entrada é liberada antes das 7h

Com isso, os estudantes têm tempo de cumprir os protocolos de higienização.

Horários de entrada e saída 

Nossos horários são divididos por ano/série, garantindo um fluxo tranquilo de estudantes.

Aferição de temperatura

Todos os estudantes, colaboradores e funcionários têm a temperatura aferida antes de entrarem na escola.

Higienização dos sapatos e mochilas

Realizamos a higienização dos sapatos nos tapetes sanitizantes e as mochilas são desinfetadas.

Ensino Híbrido

Respeitando a capacidade máxima de estudantes, as turmas são divididas em grupos e as aulas presenciais acontecem no Sistema de Rodízio. Ocorre dessa forma:

Escola Vereda Mooca
Cada grupo de estudantes tem 1 semana de aulas presenciais intercalada com 2 semanas de aulas não presenciais.

Escola Vereda Santo André

Cada grupo de estudantes tem 2 semanas de aulas presenciais seguidas de 2 semanas de aulas remotas.

Escola Vereda São Bernardo

Cada grupo de estudantes tem 1 semana de aulas presenciais seguida de 2 semanas de aulas remotas.

Esse sistema poderá sofrer alterações conforme a fase de cada município e a porcentagem de ocupação determinada pelas prefeituras.

Clique aqui para saber mais sobre o nosso Ensino Não Presencial.

Squeezes de água

Disponibilizamos uma Squeeze por estudante para evitar o contato com os bebedouros.

Carteiras com distanciamento

As salas de aula foram reorganizadas garantindo o distanciamento de 1,5 m entre carteiras.

Lavar as mãos

Nossa rotina de lavar as mãos foi intensificada. Também temos álcool em gel por toda a escola para ajudar a manter as mãos limpas.

Café de manhã e almoço escalonados

Divisão de turmas e uma equipe servindo os estudantes para garantir a sua segurança.

Adesivos e cartazes educativos

Temos materiais sinalizadores por toda a escola para auxiliar os estudantes na adaptação.

Maior circulação de ar

Portas e janelas estão sempre abertas para garantir a ventilação.

Álcool em gel

Disponibilizamos álcool 70% e panos para a higienização das mãos, de materiais e mobiliários.

Refeitório adaptado

Mesas com distanciamento, marcações no piso e ganchinhos para pendurar a máscara.

Com o coração cheio de saudade dos nossos estudantes, esperamos cada um deles em nossas escolas para um ano de crescimento através de um ensino ainda mais conectado com a vida!

Sejam todos bem-vindos 💙💛

Conheça o E-book Guia de Retorno às aulas presenciais da Escola Vereda, um material completo e gratuito que explica em detalhes todas as nossas medidas. 


Ficou com alguma dúvida?

As recomendações citadas fazem parte dos protocolos de retomada do Governo do Estado de São Paulo, Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde.